Aqua Multitoque
Guia do Touchscreen

8 dicas essenciais para totens interativos, mídia outdoor e DOOH

Dicas fundamentais para uso de telas touchscreen para midia out of home / DOOH / mídia exterior. Saiba o que precisa para levar totens para as ruas.

8 dicas essenciais para totens interativos, mídia outdoor e DOOH setembro 1, 2016

Diretor de marketing da Aqua

mídia exterior interativa

Totens interativos são uma tendência e já são realidade em muitos projetos de mídia digital. Uma das áreas de comunicação que mais cresce no mundo é mídia exterior (OOH), principalmente a DOOH (digital out-of-home, ou mídia exterior digital). Certamente você já viu publicidade com grandes paineis e monitores em locais públicos, elevadores e até nas ruas. Esse setor ainda tem alguns mistérios, principalmente quando você tenta unir interatividade aos paineis.

Para desmistificar o uso de touchscreen para mídia exterior, criamos um guia com algumas dicas. Se você pensa em criar um projeto de mídia usando telas interativas em pontos de ônibus, fachadas, praças, praias e locais públicos, essas dicas são para você.

Neste documento você vai aprender:

  • Qual a tecnologia adequada para uso em touchscreen em locais públicos
  • Como se proteger de vandalismo e acesso inadequado
  • Quais os riscos e cuidados com o clima
  • Como garantir que sua tela fique sempre online (ou evitar que isso seja necessário)
  • Quais os recursos adicionais que podemos agregar ao equipamento
  • Qual o conteúdo adequado para uso em mídia exterior
  • Como deve funcionar a publicidade interativa em ambientes externos
  • Quais são as alternativas e modelos de equipamentos touch para uso outdoor

Use touchscreen adequado para uso externo

Nem sempre um totem interativo comum, que funcione em um ambiente interno, será adequado nas ruas como mídia exterior. Alguns sensores utilizam infravermelho para detectar toques, e a luz do sol interfere nesse processo. Em alguns equipamentos, basta ficar perto de um ambiente externo para o problema acontecer. Então, a primeira coisa que precisamos saber é que, para mídia exterior não é toda tecnologia touchscreen que funciona. Assim, é necessário um equipamento especial. Provavelmente você usará um sensor capacitivo, como nos tablets, ou outras tecnologias que não usem IR (infravermelho). Consulte seu fornecedor – preferencialmente a Aqua – para avaliar as melhores alternativas.

Totem outdoor

Prepare-se contra vandalismo e acesso indesejado

Para usar um equipamento multitoque em ambiente externo como a rua, ou mesmo em um ambiente interno mais movimentados, como um metrô, você vai precisar de totens mais protegidos contra vandalismo. O equipamento deve ter vidro blindado, com um índice de proteção muito superior ao vidro comum. Fiações e conexões elétricas devem ser bem isoladas para não ficar exposta e nem correr o risco de ser cortada. A construção da tela também deve prever problemas como curto-circuito ou danos caso alguém joque água no equipamento.

Há várias formas de vandalismo, e quebrar o equipamento é apenas uma delas. Um outro mal é o dos engraçadinhos, que não querem destruir seu equipamentos mas apenas atrapalhar. Fique atento também às conexões, como de USB, para evitar a ligação de pendrives e teclados, pois isso pode dar acesso até a vírus e outras manipulações. Um equipamento ideal terá estrutura especial para bloquear qualquer acesso à área interna e aos botões do equipamento. Com isso, você vai evitar que alguém mexa nas configurações, protege a tomada para que ninguém desligue o equipamento, impede o acesso a botões que não deveria ou ao sistema operacional.Quanto mais exposto o equipamento, pior pra ele será.

Fique atento a partes sensíveis do equipamento, como vidros, plástico, adesivos… Lembre-se que seu equipamento estará sob uso intenso. Às vezes até isso é suficiente para gerar um desgaste e aumentar seus custos de manutenção. Você e seu cliente não vão preferir um produto como novo, e não um com problemas de conservação.

DOOH Interativa

Mídia exterior preparada contra o ambiente externo

Se o equipamento for usado na praia, use proteção especial anti-maresia. Há produtos para evitar a corrosão e a oxidação das partes metálicas, não só na estrutura mas também em todos os componentes eletrônicos.

O sistema de ventilação tem que ser diferente para evitar que fique entrada e acúmulo de umidade, porque isso vai estregar a televisão que está ali dentro e os sensores. A umidade da chuva também é um risco, e somente um equipamento com a blindagem adequada resistirá como mídia exterior.

Frio e calor extremos também são prejudiciais. Os equipamentos só funcionam dentro de uma determinada temperatura, e isso vem até identificado nas especificações técnicas. Analise a necessidade de um sistema de refrigeração, e escolha componentes mais adequados para o clima que você vai enfrentar.

Touchscreen para abrigo de ônibus

Acesso à internet e aos sistemas de gestão

E se a internet cair? No Brasil  – e em qualquer lugar do mundo – isso pode acontecer. Aliás, segundo a Lei de Murphy, isso vai acontecer.

A medida inicial é evitar ao máximo esse problema. A maneira mais segura de conexão com a internet é sempre a cabeada, então conecte diretamente seu equipamento a uma rede de alta qualidade, preferencialmente por cabo ou fibra ótica. A segunda opção é o Wi-Fi. Certifique-se que o sinal será bem recebido pelo equipamento, principalmente se a antena de recepção do sinal for interna na estrutura.
A alternativa final é uma conexão com modem 3G/4G. Se esse for seu caso, tenha em mente que a conexão é bem instável e que você precisa estar preparado para operar em locais sem sinal.

Avalie se, para o objetivo que sua empresa quer alcançar, o totem interativo precisa ou não ter acesso à internet. Às vezes você nem precisa de conexão e pode utilizar um conteúdo local. Ou às vezes, em caso de falta de internet, você pode oferecer informações e conteúdos alternativos, ou uma versão em cache. Tenha sempre uma alternativa para oferecer aos seus visitantes.

Conteúdo e serviços adequados para seu público

O que mostrar? Essa é uma parte muito importante também! A gente fica pensando muito no hardware, quando estamos falando de totem, mas é importante também pensar em que tipo de informação você quer passar para o seu público. Nossa sugestão: ofereça informação e serviço. Isso pode salvar qualquer turista.

Um dos usos principais hoje é facilitar a localização, deslocamento e mobilidade urbana. O totem outdoor funciona como um mapa de onde ir e do que fazer, então quando está em uso na rua, você pode ter um mapa da cidade, programação cultural, esportiva, entre outros. Se for em uma escola ou universidade, você pode ter horário das aulas, os cursos disponíveis, enfim, tudo que seja relevante para uma pessoa ali e agora. Esse “ali e agora” é importante também porque geralmente o conteúdo do totem geralmente é regional. Você raramente terá um mapa da cidade inteira e sim daquela região específica em que está instalado.

Se o objetivo é ajudar no turismo, tem que lembrar também de escolher um conteúdo sempre atualizado, que tipo de público vai ter no entorno e ver em quais línguas é necessário adequar o equipamento. Muitas vezes, a parte que mais atrai o pessoal é a de entretenimento. Se você for hoje na orla do Rio de Janeiro, o público não vai ligar tanto para previsão do tempo, mapa e etc. O aplicativo que mais faz sucesso é o de tirar fotos. A pessoa chega, faz uma pose, tira a foto e compartilha por email. Quando você faz a pessoa interagir com o equipamento, certamente fará mais sucesso, porque as pessoas gostam disso, se divertem e passam a prestar atenção naquilo.

Uma das grandes vantagens de equipamento touchscreen é permitir que tudo esteja conectado com o mundo digital. Imagine, por exemplo, que você está em um parque e vai ter um evento, mas a programação mudou. Não será necessário imprimir um novo folheto informativo, ou instruir um funcionário para ficar dando informações. Você altera tudo digitalmente e pronto! As pessoas passarão a essa nova informação na hora pelo totem.

DOOH em Paris

Adicione recursos ao seu totem

O totem também poderá trazer recursos adicionais como impressora, câmera fotográfica, leitor de cartão de crédito, pin pad, entre outros. Nesses casos, só é preciso ter cuidado com a questão do vandalismo e da segurança. Muitas vezes, os equipamentos de outdoor, por serem mais caros e por exigirem mais logística, são mais adequados para projetos de longo prazo. Então a má notícia é que exige um planejamento e um custo mais alto. Mas a boa é que você tem mais recursos, consegue alterá-lo com certa facilidade para inovar sempre.

Que tal oferecer também wi-fi ou carregadores de celular? Ofereça comodidade e infraestrutura para ajudar as pessoas a se conectarem. Com isso você multiplica as opções de interatividade e ajuda mais pessoas a se conectar.

Publicidade e mídia exterior com interatividade

Existe uma demanda específica de totem outdoor que é para a publicidade, sendo muito usado em locais com grande fluxo de pessoas, como avenidas, abrigos de ônibus e praias. Neste caso, você precisa sempre oferecer, com a marca do anunciante, uma experiência que explore a interatividade. Ao invés de ser simplesmente um site, invista para que o equipamento se transforme numa experiência única para o público, que aproveite essa inovação para trazer alguma coisa diferente para a pessoa.

Mídia digital interativa

Lembre-se: estamos falando de mídia interativa. Se fizer uma ação de mídia tradicional, apenas de digital signage, perde-se um pouco do impacto desejado. Veja mais informações sobre publicidade interativa em nosso site.

É possível, nestes casos, incluir uma medição das interações, o que é importante para saber quais aplicações são de maior interesse das pessoas e, se houver anunciante, o quanto as pessoas estão interagindo com a publicidade ou a interação que ele colocou ali. No final das contas, é tudo uma análise de ROI.

Alternativas de equipamentos para uso outdoor

Em termos de variação de equipamento, usa-se mais as telas grandes. Raramente você vai encontrar totem outdoor pequeno, exceto como sinalização em prédios.

Geralmente, são telas entre 42 e 65 polegadas, que é a combinação entre alto impacto com um preço ainda acessível. Sempre usando telas de alta luminosidade, próprias para uso externo, esses totens muitas vezes combinam espaços para mídia tradicional (banners, cartazes, adesivos dos patrocinadores) e digital signage (monitores para apresentar vídeos e outros conteúdos não interativos). Qualquer que seja o modelo, a Aqua pode oferecer equipamentos adequados para uso outdoor. Confira nossas opções.

Totens com telas menores são usadas, principalmente em projetos em que há uma verba menor ou quando são necessárias muitos equipamentos. Também há alternativas com uso de telas interativas integradas a vitrines e edifícios. Isso pode ser uma alternativa para esconder fios e melhorar o acesso à internet, então deve ser sempre avaliado como alternativa.

O mais importante é fazer um projeto bem feito, inteligente e completo. Pense nos problemas que quer resolver e qual é seu objetivo. Certamente teremos um equipamento adequado para cada lugar e momento.


Quer mais informações? Entre em contato com a Aqua, especialista em aplicativos e equipamentos touchscreen.