Tendências e análises

Como a tecnologia touchscreen pode ajudar turistas e salvar a Copa do Mundo

Como a tecnologia touchscreen pode ajudar turistas e salvar a Copa do Mundo abril 9, 2014

Diretor de marketing da Aqua

Copa do Mundo

O Brasil deverá gerar aproximadamente R$ 62,1 bilhões com a Copa do Mundo neste ano, um valor que é três vezes maior do que foi arrecadado com a Copa das Confederações. Os dados são provenientes de um relatório sobre o impacto econômico deste último evento, realizado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) e divulgado pelo Ministério do Turismo. Em 2013, o campeonato sediado no nosso país movimentou R$ 20, 7 bilhões – deste montante, R$ 11 bilhões foram gerados de gastos de turistas, de investimentos públicos e privados e do Comitê Organizador Local. Números bem relevantes, com certeza. O mercado do turismo é uma grande indústria e um setor que merece evoluir.

Se a Copa das Confederações foi uma prévia do que está por vir com a Copa do Mundo, podemos de fato esperar uma contribuição de grande impacto dos turistas, originados de todo o planeta, que virão prestigiar o principal evento do futebol. A expectativa é de 3,6 milhões de turistas circulando em solo brasileiro durante a competição.

No entanto, você se engana se pensa que os únicos investimentos a serem feitos são aqueles relacionados à infraestrutura, hotelaria e segurança. A consideração de outro fator fundamental para a recepção de todos estes estrangeiros se faz necessária: o fácil acesso à informação sobre turismo e mobilidade urbana. Não entendeu o motivo? Descubra por que a tecnologia touchscreen é uma importante aliada neste sentido e como ela pode se tornar uma ferramenta vital para uma Copa do Mundo memorável!

Tecnologia inovadora a favor do turismo

Visualize 3,6 milhões de turistas hospedados nas cidades brasileiras escolhidas para sediar os jogos. Se o setor de turismo tem muito a lucrar, os desafios impostos pela movimentação serão igualmente significativos. Aspectos como localização; dados sobre os principais pontos turísticos; informações culturais e orientações acerca dos melhores e mais próximos pontos para alimentação, compras e lazer deverão figurar na lista das prioridades para uma recepção à altura de um dos maiores – senão o maior – campeonatos esportivos do mundo.

Diante desta grande demanda, a boa notícia é que as novas tecnologias surgem como a solução mais eficiente, ágil e inovadora para atender às expectativas e necessidades dos turistas. Na forma dos mapas interativos de auxílio ao turista, o touchscreen multitoque consegue reunir em um único dispositivo todas as funcionalidades e informações que citamos acima. Se dispostas em pontos estratégicos das cidades, estas plataformas são o investimento certeiro para orientar e informar o público da Copa, elevando o acesso a dados turísticos a um nível de inovação digno de primeiro mundo.

Interatividade ao alcance de todos

Oferecendo alta resolução, agilidade e uma experiência única de navegação, a plataforma touchscreen multitoque é a última palavra em localização e utilidade turística, permitindo ao usuário interagir diretamente com mapas e aplicativos sobre a cidade. O melhor de tudo é que a utilização do produto é simples e intuitiva, globalizando o acesso à informação.

Pense também na tecnologia para os visitantes de aeroportos e outros pontos de concentração. Facilite para passageiros e todos os grupos relacionados. Reduza a necessidade de pessoas para atendimento, com telas interativas e autoatendimento. Todas as informações, em vários idiomas, podem ser apresentadas.

Tecnologia multilíngue na Copa do Mundo

O mapa interativo conta ainda com uma vantagem imprescindível para um evento global como a Copa do Mundo: todo o conteúdo fornecido pela plataforma é disponibilizado em vários idiomas. Esse é um grande diferencial sobre mapas e roteiros tradicionais, geralmente disponíveis em apenas uma ou duas línguas.

Reportagens do Fantástico mostraram como a vida dos turistas é difícil no Brasil, onde há poucas pessoas que falam outros idiomas e não há recursos simples para atender a estrangeiros. Um terminal interativo “poliglota” será de grande ajuda para trazer mais informação e serviços aos estrangeiros.

Informação turística? Só se for multimídia

Mapas interativos diversificam e enriquecem os dados turísticos, habilitando o acesso à informação sobre os pontos de interesse do turista na forma de vídeos, fotografias, descrições, gráficos e outras possibilidades. Com Showcase, podemos criar catálogos completos sobre a cidade e suas atrações. Tudo isso gerenciável, sempre atualizado e em vários idiomas.

Busca otimizada

Os dados sobre determinada localização poderão ser facilmente acessados através das buscas, filtros e categorias oferecidos por uma plataforma touchscreen.

Diante de tantas vantagens e do armazenamento de informações em um único banco de dados, a tecnologia touchscreen é uma excelente saída para suprir a demanda turística da Copa do Mundo, marcando o Brasil como anfitrião exemplar – e craque também quando o assunto é recepção!